2008: O ano que insiste em não terminar

Vamos_Subir_Dragao

Salve torcida azulina! Estamos aqui mais uma vez para falar do nosso amado Confiança e desta vez não temos coisas boas para falar, afinal fomos eliminados do campeonato sergipano pelo River e por tabela perdemos a possibilidade de disputar o campeonato do nordeste e a série D do brasileiro.

Não vou analisar o jogo por que o time vinha jogando tão mal que nem precisa, e nem avaliarei o campeonato, talvez o faça quando ele acabar, e sim a origem dos nossos problemas nos últimos anos: O fatídico ano de 2008.

Vamos subir Dragão!

Para os mais desatentos, 2008 foi o ano da campanha histórica da série C em que o canto “Vamos subir Dragão” ecoou em todos os cantos da cidade, sobretudo no Batistão quase sempre lotado. Naquele ano ficamos a um passo da série B e esse passo final não conseguido nos custa muito caro até hoje.

Complexo de Pedigree

02_Blue_Dog_16x16

Nelson Rodrigues criou a expressão “Complexo de Vira latas” após a derrota do Brasil para o Uruguai na final da copa de 1950, o Maracanaço. Tal expressão se referia ao complexo de inferioridade que os Brasileiros tinham em relação a outros povos.

No caso do Confiança, após 2008 criamos o complexo de pedigree, ou seja, somos naturalmente superiores e o campeonato sergipano é um simples aquecimento para voos maiores e nosso lugar natural é o campeonato brasileiro série C/D com vistas à série B e, quiçá. série A.

Temos sim que sonhar alto e ter planos ambiciosos, mas um passo de cada vez, sem soberba e com pressão na medida certa, mas não é isso que tem acontecido, basta ver a vontade dos jogadores em jogos da copa do Nordeste e do Brasil e comparar com a do campeonato Sergipano, o mesmo se aplica a média de público.

Estamos acertando na parte de valorização da base, do atleta com salários em dia e com estrutura mínima, mas erramos em não valorizar o campeonato sergipano querendo dar o segundo passo antes do primeiro, pensando em série D sem ao menos ter garantida a nossa classificação, numa clara desvalorização do campeonato local e o resultado disso são 4 anos de fila e 3 anos sem disputar o campeonato brasileiro.

Tudo o que relatei acima, de positivo e negativo são fruto da, até hoje lembrada, campanha de 2008 na série C, mas isso já tem 5 anos e precisamos enterrar essa história, recomeçar nosso caminho a partir das lições daquele ano. Ficar remoendo essa história e com complexo de pedigree não nos ajuda em nada e a prova disso foi quarta, que mesmo com remanescestes de 2008, Vadson e Da Silva, fomos eliminados pelo “poderoso” River Plate.

 Copa do Brasil

Confianca1x1Fortaleza_02

 Apesar do cenário de terra arrasada no qual estamos após a eliminação do campeonato sergipano, ainda temos um desafio importante que é a Copa do Brasil, mais especificamente quinta-feira diante do Fortaleza no PV.

O jogo também é bem importante para os cearenses que devem começar o jogo em cima do Dragão como foi na Copa do Nordeste, como eu nunca aposto contra o Confiança vou de 2 x 2 e nos classificamos nos critérios.

Vamos continuar

Apesar da pauta Confiança diminuir sensivelmente, vamos continuar com o site falando de bastidores, outros esportes e mantendo esse espaço opinativo. Mande suas sugestões e contribua para o crescimento desse espaço.

Saudações Azulinas,

Mike Gabriel

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com