Autor do gol da classificação, Frontini pede concentração total no mata-mata

Foto: Divulgação/ADC

Ele ficou à disposição de Ailton Silva após cumprir suspensão contra o Fortaleza, mas o técnico preferiu deixá-lo no banco. Durante a Série C, ele vinha fazendo uma boa dupla com Tito e contra o ASA no último sábado não foi diferente. O primeiro tempo terminou empatado e Ailton chamou Frontini, que entrou logo na volta do intervalo. E não é que deu certo, dessa vez, ele recebeu a assistência de Tito e fez o gol que garantiu não só a vitória, mas também a classificação.
– Estou contente com o gol e a classificação. Entendi a situação do treinador não ter me colocado como titular, o que temos que fazer é respeitar e estar pronto para quando for chamado para entrar no jogo. Eu entendo o treinador porque só pode colocar onze e como fiquei de fora contra o Fortaleza por estar suspenso, continuei fazendo meu trabalho, respeitando os companheiros, para voltar a jogar. Tive a oportunidade de aparecer novamente e marcar – afirmou Frontini.

Ao longo da etapa final ele ainda teve outras oportunidades de ampliar o placar, mas não conseguiu. De qualquer forma elas acabaram não fazendo falta. Apesar disso, ele disse que vai trabalhar mais durante esta semana para não repetir isso contra o São Bento.

– Faltou talvez caprichar um pouco mais, vou treinar para aprimorar os fundamentos, mas neste momento o mais importante é a vitória. Claro que vamos trabalhar durante a semana para isso não voltar a acontecer, porque no mata-mata não pode vacilar – explicou o atacante do Confiança.

Frontini lembrou também que a equipe estava desacreditada, que estava difícil até sair do Z-2, quanto mais chegar ao G-4. E eles conseguiram, em uma grande arrancada sob o comando de Ailton Silva, o Dragão venceu as últimas quatro partidas do Grupo A e agora vai ao mata-mata para tentar o acesso à Série B. O adversário será o São Bento, o mesmo que eliminou o Itabaiana na disputa pelo acesso à Série C ano passado.

– Primeiro fizemos a nossa parte e depois o campeonato nos deu essa oportunidade de avançar, pois dependíamos de outro resultado. Poucas pessoas acreditavam que isso poderia acontecer, mas algumas acreditavam e foi nelas que nos apoiamos. Vamos lá, está em aberto agora, são oito grandes equipes e todos estão preparados fisicamente e tecnicamente, se não estivessem, não teriam classificado, portanto vai levar a melhor quem mantiver o foco, quem estiver mais concentrado pode se dar melhor. E nós vamos focar para conseguir esse acesso – destacou Frontini.

Fonte: Globoesporte.com