Betinho começa a preparar Dragão para jogo com Icasa

Foto: Osmar Rios
Foto: Osmar Rios

O Confiança começou a semana do Icasa, ontem à tarde. Sob um clima de muita empolgação, motivada pela vitória sobre o Águia de Marabá, que deixou a equipe com chances de conquistar uma vaga no G-4, os craques do time do Bairro Indutrial se reapresentaram, no Sabino Ribeiro, e  participaram de um movimentado treino físico-técnico.

O treinador Betinho não fez qualquer referência sobre o time para o encontro com o Verdão do Cariri. A certeza que ele tem é que, apesar da irregular campanha que a agremiação do interior cearense realiza, na Série C, do Campeonato Brasileiro de Clubes, o Confiança terá de ter o máximo de cuidado para não amargar um resultado desagradável e, com isso, ver a sua vida dificultada na competição.

“O Icasa, mesmo com apenas sete pontos na tábua de classificação, continua vivo e louco para sair da zona de rebaixamento. Para isso, agora, depende mais de seus próprios esforços e, também, de vascilos do Cuiabá e Águia Marabá, em seus próximos jogos. Só isso já é bom motivo para acreditarmos que não teremos vida fácil, domingo, no Batistão, como muita gente imagina”, disse Betinho.

Embora satisfeito com a atuação do Dragão, em Marabá, Betinho, também, não fez qualquer menção em relação ao esquema de jogo que pretende aprontar para a partida. O que ele não deixar de afirmar é que, domingo, espera um time perto da perfeição, ou seja, forte na marcação e na criação de jogadas e objetivo, nas finalizações. Com tudo isso se confirmando, o comandante não tem a menor dúvida que a equipe não desperdiçará a chance de mais uma vitória.

“Contra o Botafogo não soubemos nos impor com inteligência e o resultado foi uma derrota que não estava em nossos planos. Já no domingo, em Marabá, a história foi diferente. A equipe jogou como gente grande a arrancou uma grande vitória. Contra o Icasa, a postura tem de ser de time vencedor. Afinal, voltaremos a jogar em casa com o apoio da nossa torcida, e nada melhor que um triunfo para nos deixar em uma situação bem mais cômoda, na classificação geral do Grupo”, acrescentou Betinho.

Sem poder escalar Valdo, por causa do terceiro cartão amarelo, Betinho conta com algumas alternativas à disposição. Entre elas, Eron, que, em Marabá, entrou no segundo tempo da partida com o Águia e ajudou o time a segurar a vitória.

Fonte: Jornal da Cidade