Betinho permece no comando do Dragão para 2016

Foto: Felipe Martins
Foto: Felipe Martins

Após reunião realizada na última segunda-feira (26), o técnico Betinho e a diretoria do Confiança chegaram a um denominador comum, e fecharam o acordo que, consumou a permanência do treinador no comando do Gigante Proletário para a próxima temporada, o que alegrou o presidente Luiz Roberto e, provavelmente, tranquilizará toda a torcida azulina.

“A permanência de Betinho é a certeza de que o bom trabalho que vem sendo realizado no Confiança continua. A vontade das partes pela continuidade do trabalho falou mais alto. A diretoria, com uma visão estratégica e moderna, acredita no trabalho desenvolvido a longo prazo, pois é isso que está trazendo excelentes resultados em grandes equipes do futebol mundial. O confiança é grande e, como tal, tem que buscar o que há de melhor em gestão esportiva”, diz o presidente Luiz Roberto.

Definida a permanência do técnico, que também ficou muito satisfeito com a permanência dele no Sabino Ribeiro, e com a possibilidade de continuar o belo trabalho que vem realizando a frente do time azulino, resta agora estabelecer quais serão os parâmetros adotados para a continuidade do trabalho em 2016.

“Estou muito feliz com essa renovação e com a minha permanência, pois poderei dar continuidade ao trabalho que vem sendo realizado no Confiança. Nossa meta é vencer o Sergipano, avançar de fase na Copa do Nordeste, ir o mais longe possível na Copa do Brasil, e conquistar o acesso ao Campeonato Brasileiro da Série B, que é o nosso objetivo maior”, declara o técnico.

Segundo o técnico azulino, em 2016 o peso da cobrança certamente será maior, principalmente em função do bom trabalho que tem sido realizado pela comissão técnica afrente do time do Sabino Ribeiro.

“A responsabilidade aumenta, pois o Confiança ganhou mais projeção a nível nacional, além de a Série C estar mais disputada em 2016. Sem contar que eu terei a ótima campanha que fizemos em 2015 como sombra. O trabalho será sempre analisado com base no que foi feito este ano. A comparação é inevitável. Por exemplo, somos bicampeões estaduais, o que, obrigatoriamente, aos olhos da torcida e da opinião pública, nos coloca certa pressão no que diz respeito à conquista do tricampeonato, que é inédito”, diz Betinho.

O técnico ainda revelou que pretende manter de 60% a 80% do elenco que chegou às quartas de final da Série C em 2015, e que na próxima semana haverá uma reunião entre a comissão técnica e a diretoria para definir o elenco, não apenas a permanência dos atletas que já estão no clube, mas também as novas contratações.

Fonte: Site Oficial da Associação Desportiva Confiança