Betinho reconhece superioridade do Ceará: “Teve mais volúpia em campo”

Foto: João Áquila
Foto: João Áquila

O Ceará mereceu vencer. Foi o que avaliou o técnico do Confiança, Betinho. Segundo ele, a equipe conseguiu seguir o planejamento no primeiro tempo, mas se desgastou na etapa final. Ele ainda explicou por escalou o time com três volantes.

– No meu entender nosso primeiro tempo foi bom. Criamos situações e não deixamos eles criarem. No segundo tempo o Ceará cresceu, até pela necessidade do placar. O Everson fez grandes defesas e sofremos o gol de pênalti. Tivemos uma situação com o Kível no final do jogo, que se fizesse fatalmente nos daria a classificação. Mas no contexto geral, o Ceará mereceu a vitória por ter criado mais. Jogou com mais volúpia em campo – avaliou Betinho.

– Coloquei três volantes pela qualidade do adversário. O Silas (técnico do Ceará) entrou com três meias de criação. A ideia era ter um meio de campo mais marcador, mas com saídas de bolas com Flávio, Richardson e o próprio Elielto. Ainda tinha os atacantes ajudando na marcação. No primeiro tempo funcionou e no segundo tempo, com o desgaste natural, o time caiu de rendimento – afirmou Betinho, técnico do Confiança.

Fora da Copa do Brasil, o time volta as atenções para o Campeonato Sergipano. Encara neste domingo, às 16h, o Lagarto, na Arena Batistão, em Aracaju. Um empate classifica a equipe para a grande final com duas rodadas de antecedência.

Fonte: Globoesporte.com