Cascata reencontra novo técnico do Confiança e diz: ‘Ele é um paizão’!

Foto: Facebook Oficial do Confiança
Foto: Facebook Oficial do Confiança

A tarde de quarta-feira foi de boas-vindas no Sabino Ribeiro para o novo técnico do Confiança, Roberto Fernandes. Foi um momento de ele conhecer o elenco azulino. Mas um atleta em especial já é um velho conhecido dele. O meia Cascata trabalhou com o treinador pernambucano no América de Natal, conquistou com ele o título potiguar de 2015. Por isso, ninguém melhor do que o camisa 10 proletário para falar sobre o perfil do comandante, que terá a missão de tirar o clube da atual situação complicada na Série C. Cascata o descreveu como um grande líder, que cobra muito, mas sabe ser também um parceiro, um incentivador.

– Se você trabalha correto com ele é um paizão, mas um pai que te cobra, não deixa tu cair na zona de conforto jamais. Um cara que a todo momento tá mostrando para você que precisa melhorar e que nunca está bom para ele. Mesmo vencendo é um cara que não se preocupa muito com resultado. Ele se preocupa mais com desempenho. O que você está rendendo dentro de campo. Por muitas vezes nós vencíamos o jogo mas ele chegava zangado, aborrecido, triste com o grupo porque não tinha desempenhado um bom trabalho, mesmo tendo conquistado o resultado positivo. Outras vezes fazíamos grandes partidas e saíamos derrotados, mas ele chegava, nos abraçava, falava que nós tínhamos que levantar a cabeça porque tínhamos desempenhado um grande trabalho – relembrou Cascata.

O meia Cascata era um dos homens de confiança de Roberto Fernandes no América-RN. Ele chegou ao Sabino Ribeiro como a maior contratação para a disputa da Série C, para ser o grande articulador das jogadas, a cabeça pensante e o líder do grupo. Peso que ele naturalmente é capaz de suportar pelo talento e experiência que tem. Contudo, até agora, o jogador ainda não conseguiu mostrar o seu melhor futebol e está devendo. A expectativa é de que, com a chegada de Roberto Fernandes, profissional que conhece muito bem as qualidades dele, finalmente consiga evoluir. Questionado sobre isso, Cascata não fugiu à responsabilidade, mas disse que os problemas são bem mais abrangentes.

– Eu não gosto muito de transferir responsabilidades, falar que se eu não estou rendendo é por causa de A ou B. Sei que posso render muito mais do que estou rendendo. Isso é algo que eu me cobro muito. Eu não fujo de nenhuma cobrança, mas eu não jogo só. É notável, nós temos um grupo e todos nós precisamos melhorar, no geral. Se fosse tênis, em que se joga o jogo sozinho, aí eu poderia assumir a responsabilidade só, mas jogamos um esporte que é coletivo. Se 10 estivessem rendendo e eu não era uma coisa, mas todos nós precisamos melhorar individual e coletivamente – avaliou o atleta.

Foto: Ítalo Sales/Inter TV Cabugi
Foto: Ítalo Sales/Inter TV Cabugi

Nas oito primeiras rodadas, o Confiança conseguiu apenas uma vitória e três empates. Com 6 pontos, figura atualmente na zona do rebaixamento, na penúltima colocação. A chegada de Roberto Fernandes é o que se pode chamar de um choque de gestão, para tentar fazer um grupo render mais e os resultados aparecerem.

– Eu não acredito que a casa estava desarrumada por causa do Betinho. Então eu não acredito que a casa será arrumada por causa do Roberto. Eu acredito que a casa estava desarrumada por causa de um todo. Então nós não podemos transferir responsabilidades. Cada um deve assumir as suas. Nós precisamos melhorar e Roberto hoje faz parte disso. Espero que, com a chegada dele, a gente possa ter essa crescente, mas o fato de a gente não ter conquistado os resultados positivos não foi por causa do Betinho – sentenciou Cascata.

O primeiro desafio de Roberto Fernandes à frente do Confiança será no próximo domingo, às 16h, contra o Salgueiro, no Cornélio de Barros. Se vencer, o time proletário pode deixar a zona do rebaixamento, a depender também de uma combinação de resultados que lhe seja favorável, como por exemplo um empate entre Cuiabá e River-PI, ou até mesmo uma vitória do time piauiense.

Fonte: Globoesporte.com