Confiança abre dois gols, mas aos 45 do 2ºT o Fortaleza consegue empate

fortaleza_x_confiancaAté os 35 minutos do segundo tempo o Confiança vencia o Fortaleza no Castelão por 2 a 0, mas o time vacilou e deixou o Leão reagir. Cascata e Wallace Pernambucano marcaram para a equipe azulina, Anselmo diminuiu e Lima, de cabeça, garantiu o empate aos 45 minutos do segundo tempo, salvando o Tricolor do Pici.

Com o resultado, o Fortaleza chega aos 19 pontos e continua na liderança, com um a mais que o Botafogo da Paraíba. Já o Confiança volta a ocupar a 8ª colocação do Grupo A, posição que tinha perdido após a vitória do Cuiabá. Agora, o Dragão tem 11 pontos, dois a menos que o sétimo colocado, o América de Natal.

Na próxima rodada, o Confiança enfrenta o Cuiabá em um “jogo de seis pontos”, na Arena Batistão. Partida será domingo, às 16h. No mesmo dia, às 18h, o Fortaleza recebe o América de Natal, na Arena Castelão. Os jogos são válidos pela 12ª rodada da Série C.

O jogo
Um primeiro tempo morno. Tanto pelo cansaço do Fortaleza, ainda cansado do jogo da última quinta-feira pela Copa do Brasil, quanto pelo Confiança que veio com uma proposta mais defensiva.

Minutos antes do início da partida o próprio técnico azulino, Roberto Fernandes, confirmou que a equipe utilizaria a compactação aliada às tentativas de roubadas de bola. Com cinco jogadores atrás e sem um atacante de referência, como vinha fazendo na Série C, o Confiança pouco criou, pouco chegou ao gol de Berna, os visitantes não conseguiam finalizar.

O Leão não estava muito diferente. Só conseguiu uma oportunidade de gol aos 27, quando a zaga proletária tirou duas vezes. Na segunda, quase que Rodrigo Andrade conseguia finalizar.

O Dragão é que chegou com perigo, dez minutos depois. Hygor Guimarães mandou um chutaço de fora da área e pegou o goleiro tricolor de surpresa, mas ele conseguiu mandar a bola para escanteio. Já no final do primeiro tempo o Confiança era um pouco melhor que o Fortaleza, mas não era eficiente.Tricolor do Pici tentava movimentar o ataque, mas as finalizações não estavam calibradas. E assim terminou a primeira parte do duelo no Castelão.

Confiança abre 2 e sofre empate
Quem começou pressionando na segunda etapa foi o Confiança, com Álvaro. Depois, uma sequência de chegadas do Fortaleza. Primeiro com Felipe, ele chuta e Beliato defende. Depois com Rodrigo Andrade, que driblou a zaga proletária e tentou finalizar. A bola ainda sobrou para Éverton, que chutou cruzado, mas mandou para fora. Dois minutos depois Cascata, que vinha sendo criticado por não estar rendendo muito no time azulino, abriu o placar o no Castelão. O meia arriscou um chute de fora da área, no canto direito de Berna, e balançou a rede tricolor.

Depois do gol do proletário, o Leão do Pici acordou. Os donos da casa partiram para o ataque, tentaram várias vezes, mas o time estava muito aquém do que produziu contra o América-MG, no meio de semana. Enquanto isso, o Confiança permanecia mais defensivo e buscando erros do Fortaleza para tentar ampliar o placar através de contra-ataques rápidos pelas laterais. Anselmo, Pio, Rodrigo Andrade e Felipe buscavam, mas não conseguiam ser eficientes nas finalizações, seja no jogo aéreo ou chutando. Quem mandou bem foi Wallace Pernambucano. Ele entrou no lugar de Cascata e com cinco minutos em campo recebeu um bom passe de Thiago Silvy, dominou, escolheu o canto e mandou para a rede, ampliando o placar fora de casa. Depois disso, o Confiança recuou um pouco e o Tricolor começou a pressionar com mais intensidade. Aos 36, Anselmo diminuiu a contagem e, para salvar o Leão do Pici de uma derrota no Castelão, Lima usou a cabeça e fez o segundo aos 45 minutos. Fim de papo: Fortaleza 2 x 2 Confiança.

Fonte: Globoesporte.com

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com