Confiança perde do Ceará e está fora da Copa do Brasil

Foto: Bruno Gomes/Agência Diário
Foto: Bruno Gomes/Agência Diário

Acabou o sonho sergipano na Copa do Brasil. Na noite da última quarta, 15, em jogo realizado no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, o Confiança foi derrotado pelo Ceará por 1 a 0 – placar que, se não fosse pelo desempenho do goleiro Éverson, seria muito maior. Com 1 a 0 também no placar agregado com o jogo de ida, o time sergipano foi eliminado da competição. Na próxima fase, o Ceará vai pegar o América-MG.

Mesmo com reservas em boa parte de seu elenco, o “Vovô” não quis saber de estudar o adversário e foi pra cima logo no começo. Aos quatro minutos, Robinho mandou um chute de longe, mas Éverson pegou em dois tempos. Aos sete, entretanto, foi a vez do Dragão, que ganhou uma falta na meia-lua. Kível cobrou na barreira, mas na sobra Elielton arriscou um voleio e mandou na rede pelo lado de fora.

Na sequência, Flávio fez um cruzamento envenenado para a área e a bola, que tinha endereço, foi interceptada pelo goleiro Tiago. No fim da primeira etapa, o Ceará respondeu com João Marcos, que recebeu cruzamento de Robinho da direita e cabeceou com perigo para fora.

Do jeito que o placar estava, a decisão iria para os pênaltis. Mas a defesa do Confiança mostrou-se ansiosa em assistir aos penais imediatamente. Aos 14, Altemar puxou Robinho na área e o juiz não perdeu tempo: penalidade. Marco Aurélio bateu firme e sem frescura no canto esquerdo e converteu: Ceará 1 a 0.

A partir de então, Éverson decidiu jogar por toda a defesa do Confiança – e iniciou um show particular. Aos 24, Williams chegou na área e encheu o pé, mas o camisa 1 espalmou a bomba e ainda atrapalhou o rebote. Aos 27, Marco Aurélio serviu William em plena pequena área, mas o camisa 9 acabou travado pelo goleiro do Confiança.

Aos 30, Éverson fez milagre de novo: depois de chute de Robinho, o camisa 1 se esticou todo e fez uma plástica ponte para espalmar. Aos 37, o Confiança respondeu com seu lance mais sério em todo o segundo tempo: após sobra na área, Kível mandou um míssil em direção ao gol, mas a zaga desviou. No contra-ataque, o Ceará resolveu testar o goleiro adversário novamente com chute cruzado de Samuel, mas Éverson espalmou.

Com nível nulo de criação, o Confiança não conseguiu mais alterar o placar e, assim como o Amadense, foi mais um time sergipano retirado da competição nacional logo diante do primeiro adversário.

FICHA TÉCNICA
Ceará 1 x 0 Confiança
Gol: Marco Aurélio (15’ 2t)

CEARÁ
Tiago Campagnaro, Tiago Cametá, Carlão, Gilvan, Sanchez (Samuel Xavier), João Marcos, Robinho, Eloir, Marcos Aurélio, William (Charles), Wescley (Marinho)

CONFIANÇA
Everson, Wallace-SE (Wallace-PE), Valdo, Heverton e Pedrinho (Altemar), Flávio, Elielton, Richardson e Everton, Leandro Kível, Bibi (Robério)

Cartões amarelos: Carlão, Pedrinho, João Marcos, Altemar, Tiago Cametá, Flávio, Eloir, Richardson