Direto do jogo: Cuiabá 1 x 0 Confiança

Foto: Assessoria Cuiabá Esporte Clube
Foto: Assessoria Cuiabá Esporte Clube

Duas frases e esse texto poderia ser resumido: “Poderia ter sido mais” e “O time foi mal escalado”.

Poderia ter sido mais

O Cuiabá como já se sabia era um time bem armado e isso aliado a terrível e já falada “linha burra” fez com que os atacantes cuiabanos saíssem toda hora na cara de Everson, que fez o que pôde. Só tomamos um gol por conta do nosso goleiro que fez 3 defesas difíceis e pela falta de pontaria dos adversários.

A zaga teve falhas, sim, mas dentro do padrão que vinha tendo, ou seja, não houve grandes melhoras e nem grandes pioras. O que assustou no sistema defensivo foram as laterais, duas avenidas à disposição do Cuiabá que as explorou bem.

No segundo tempo, a entrada de Raulino organizou a defesa e, principalmente, o meio de campo (falaremos mais dele depois), assim tivemos menos sustos na defesa e o meio de campo foi melhor preenchido. Infelizmente com a saída de Elielton para a entrada de Bibi, a defesa voltou a ficar exposta e o Cuiabá voltou a nos atacar, dando mais trabalho para Everson.

Time mal escalado

Betinho fez um teste e não foi bem, isso é normal e não cabe crucifica-lo, mas o esquema com 2 volantes, 3 meias e 1 atacante isolado não deu certo.

Em nenhum momento o Confiança realmente ameaçou a defesa do Cuiabá, uma vez que o time não conseguia armar nenhuma jogada. No primeiro tempo Magalhães ficou isolado na frente, Wallace/PE quando pegava na bola afunilava e esbarrava na defesa adversária. Lucas Silva e Everton não conseguiram para, tocar a bola e propor o jogo.

Os volantes, ponto forte do nosso time, também não foram bem, deixando as laterais e a defesa muitos expostas. Isso aliado à famosa “linha burra”, já velha conhecida, fez com que o time do Cuiabá amassasse o Confiança durante todo o primeiro tempo.

A entrada de Raulino no lugar de Lucas, arrumou mais o meio campo e expôs menos a defesa, o time melhorou e começou a propor mais o jogo e incomodar a defesa Cuiabana. Essa melhora foi temporária, pois com a saída de Elielton para a entrada de Bibi, a defesa voltou a ficar exposta, não como antes, mas ainda exposta.

A entrada de Almir no lugar de Wallace/PE, apesar de dar uma qualidade melhor ao meio campo, não surtiu muito efeito, pois o time já estava muito desorganizado e buscando o gol na base do bumba-meu-boi, que só funcionou 2 vezes, em uma falta facilmente defendida e em um chute de Everton que passou rente à trave

Palavra final

Em um jogo confuso, com o time mal escalado e Everson sendo Everson o Dragão perdeu de pouco, pois as chances adversárias foram muitas e ainda teve um pênalti não marcado para o Cuiabá. Com o resultado temos 1 ponto em 6 disputados e entramos na zona de rebaixamento.

Luz amarela no Sabino, pois mais um resultado negativo vai complicar e muito nossa vida na Série C.

Saudações Azulinas,

Mike Gabriel