Ídolo do Confiança, Fábio esclarece aposentadoria

grande-fabio confianca 2

Ele já havia anunciado suas intenções antes, mas mesmo assim a notícia chacoalhou o futebol sergipano: na última quarta-feira, 17, o goleiro Fábio Alves Tabosa, 39 anos, anunciou sua aposentadoria do futebol profissional. Com 23 anos de carreira, Fábio foi ídolo do Confiança e tornou pública sua vontade de deixar o futebol por meio de uma rede social. Em conversa com o Portal Infonet, o goleiro esclareceu ainda que nada de grave o fez encerrar a carreira nos gramados.

“Parei porque o tempo chegou. Não há nenhuma questão técnica ou física envolvida. Fisicamente, por sinal, me sinto bem para jogar por mais um ou dois anos. Apenas quero curtir um pouco a família, os filhos. E acho que temos que jogar até conseguirmos entregar nosso máximo”. Cearense, Fábio começou no Tiradentes e já passou por clubes como Fortaleza, Ceará, Ferroviário, Unibol, Canindé, Sport e Confiança. Tranquilo, ele diz que ainda não tem planos para o futuro.

“Não sei nem mesmo se ficarei em Aracaju ou se vou voltar para Fortaleza. É claro que penso em trabalhar com futebol, mas também acho que é preciso dar um tempo, descansar um pouco. A vida continua. O goleiro Fábio se aposenta, e agora fica a pessoa Fábio Alves Tabosa. E é melhor parar dessa forma, com a sensação do dever cumprido”.

Apesar de ter encerrado a carreira no Itabaiana – time pelo qual jogou 28 partidas no último estadual -, Fábio passou 13 anos no Confiança e confessou que ganhou lá o título que considera o mais importante de sua carreira: o campeonato estadual de 2001. “O time estava há mais de 10 anos sem ser campeão. Foi especial”.

Por Igor Matheus

Fonte: Portal Infonet