Em clima de despedida, Luiz Roberto avalia: “Fiz o melhor para esse clube”

Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com

Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com

Eu não vim aqui para brincar de futebol, eu vim aqui para ajudar o futebol sergipano”, esse foi só um trecho do desabafo do atual presidente do Confiança, Luiz Roberto. Na tarde desta terça-feira, o dirigente convocou uma coletiva de imprensa e, ao lado de um dos membros da diretoria, aproveitou para esclarecer algumas situações e fazer uma avaliação dos 6 anos à frente do Dragão.

Avaliação
– Foram seis anos com bicampeonato (2014,12015), com acesso à Série C, com a manutenção da equipe na Série C por dois anos, vários títulos nas categorias de base e inúmeros bons resultados obtidos dentro de campo obtidos através do comando de toda esta diretoria. Uma instituição grande como é o Confiança precisava de algumas reformas e essa diretoria fez isso. Reformou os alojamentos das categorias de base e do profissional, reformou também a quadra social, todas as salas de diretoria, de sócio-torcedor, administrativa e ainda fez do Confiança o primeiro clube do estado a instalar uma sala de imprensa, além da reforma do vestiário, na qual também tivemos a ajuda de outras pessoas também, principalmente Ernando Rodrigues nesses últimos anos. Foi uma diretoria que criou, em conjunto com o conselho do clube, uma loja do Dragão aqui no Sabino Ribeiro, bem como reforma da sala do conselho e do gramado várias vezes. Melhoria das arquibancadas, instalação de ar condicionado, televisão nos quartos dos alojamentos, tudo isso também foi feito por essa diretoria. Então não foram só investimentos dentro de campo para obter resultados, mas também na parte estrutural do clube e eu fico muito orgulhoso de ter feito parte desta diretoria que proporcionou todos esses avanços – relatou Luiz Roberto.

Prestação de contas
– Eu fiquei esse tempo todo calado, evitei todas as redes sociais, mas as pessoas mesmo assim davam um jeito de me mostrar. Até que eu cheguei em um ponto em que eu não aguentei mais e pensei que a melhor resposta fosse o silêncio, mas a partir do momento que houve um abuso, uma invasão da minha privacidade, da minha vida pessoal, eu solicitei que fizéssemos essa coletiva para ratificar o que vocês que sempre estão nos acompanhando já sabem, já conhecem. Infelizmente, tem pessoas que nunca apareceram aqui no clube pelo menos nesses seis anos que estou aqui e fica nas redes sociais com vídeos ou áudios questionando uma série de situações e eu tenho a honra de dizer a todos vocês que essa diretoria prestou contas de todos os anos que esteve à frente do clube. Todas elas aprovadas pelo conselho fiscal, só não fizemos ainda 2016 porque ele não foi concluído ainda, mas até a que vamos apresentar amanhã (terça), de 2015, na reunião do conselho já foi aprovada, tudo que foi investido com dinheiro do clube e nosso também. Quem pensar que vai ser presidente ou dirigente de algum clube aqui e não tirar nada do bolso caia fora porque ainda tira e não é pouco não, é muito. Uma coisa é você ser torcedor, outra é ser dirigente, como dirigente precisa agir com equilíbrio., pois a gente uma hora sai, mas o Confiança fica. Foi por isso que pedi essa coletiva, para ratificar todos os investimentos desta diretoria ao longo desses anos, tudo que se foi colocado aqui. Se alguém ainda tiver dúvida é só questionar o conselho. Agora, denegrir a imagem de quem deu a vida por esse clube, aí meu amigo, dói um pouco e quando dói a gente tem que se pronunciar para não pensarem que estamos calados porque estamos consentindo com o que está acontecendo aí fora. Infelizmente passamos por isso e agora estou aqui, não para me defender, mas para mostrar e confirmar o que foi feito por toda essa diretoria – explicou Luiz Roberto.

Despedida
– Tenho uma coisa a dizer para vocês com toda a pureza da minha alma. Eu saio do Confiança de cabeça erguida e com uma certeza em minha cabeça, que eu fiz o melhor para esse clube. Saio com muita tranquilidade, não tenho medo de qualquer auditoria, de qualquer investigação durante esses seis anos que eu estive aqui porque apresentamos as prestações de contas e sabemos tudo o que investimos dentro do clube e não estou arrependido. Não sei se faria tudo de novo, mas arrependido não estou. Saio daqui ainda levando uma dívida para pagar, com fé em Deus conseguirei porque assumi pelo clube e um patrocinador infelizmente não pagou o que deveria pagar e a gente tem que cobrir agora uma despesa de 240 mil. Como disse, saio muito tranquilo, não só eu, mas toda diretoria, pois sabemos que vamos sair com o dever cumprido porque sempre tentamos fazer o melhor pela Associação Desportiva Confiança – finalizou Luiz Roberto.

Fonte: Globoesporte.com

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com