Entenda a Interdição do Etelvino Mendonça e porquê ela é necessária

O Itabaiana não jogou em casa ainda neste ano, tudo por conta da interdição do Estádio Etelvino Mendonça, mas se a primeira vista a interdição foi um preciosismo do Ministério Público, buscando mais informações percebemos que ela não só foi necessária como muito atrasada, o que colocou em risco torcedores, jogadores e trabalhadores que frequentaram o estadio da serra nos últimos 3 anos.

Linha do tempo da interdição

2016

O primeiro relato encontrado foi ainda em 2016, quando da partida entre Itabaiana e São Bento pelo mata mata de acesso à serie C. Desta feita foi feito um acordo para que as adequações fossem feitas em até 180 dias. Como o Itabaiana foi eliminado, não houve mais jogo naquele ano no estádio e a questão ficou “esquecida”.

2017

Começa o campeonato estadual e as recomendações foram esquecidas, até que por volta de abril surgiu uma nova ameaça de interdição. Governo do estado e Federação Sergipana de Futebol conseguiram um pouco mais de prazo para as adequações, 90 dias, que mais uma vez não foram cumpridas, mas a interdição não veio, já que até a final daquele ano foi disputada no estádio, bem como a participação do Itabaiana na Série D. Por fim, mesmo roteiro do ano anterior, o Itabaiana sai da série D e o assunto morre.

2018

Falando em mesmo roteiro, adivinhem o que aconteceu em 2018? Isso mesmo, a mesma coisa: as recomendações foram ignoradas, começa o Campeonato Sergipano com o Etelvino em funcionamento e assim vai até o fim da temporada. O Ministério Público solicita mais uma vez a interdição e dessa vez eleva o tom espalhando nota à imprensa.

2019

Muda o governo do estado e o roteiro também, dessa vez as recomendações do Ministério Público não foram ignoradas e o Etelvino Mendonça foi realmente fechado para as devidas adequações impedindo jogos no estádio até uma liberação expressa do judiciário, que poderá acontecer  após audiência a ser realizada em 27 de fevereiro.

Quando Itabaiana e Federação cogitaram ainda fazer o Clássico Itabaiana x Confiança no Etelvino, era porquê solicitaram a antecipação da audiência, o que foi negado e assim o jogo confirmado para o Batistão, uma vez que outro estádio no interior não teria condição de receber o jogo.

Jogando no Etelvino, o Confiança subiu pra Série C

Quais são os problemas do estádio

Segundo o Ministério Público, falta ao Etelvino Mendonça o Projeto de Segurança Contra Incêndio e Pânico (PSCIP), projeto esse que para existir necessita da instalação de pára-raios, extintores, melhorias na circulação entre outras adequações.
Levando em conta a tentativa de antecipação da reunião entre MP, Federação Sergipana de Futebol e Itabaiana, creio que essas adequações já foram feitas ou estão em vias de conclusão

Por fim, fiz esse esclarecimento para evitar fofocas pré clássico sobre possível favorecimento do Confiança e para lamentar a falta de empenho do Governo do Estado, Diretoria do Itabaiana e Federação Sergipana de Futebol em cumprir os requisitos de segurança para o funcionamento do estádio, por sorte nada de grave aconteceu neste tempo de funcionamento irregular. Que agora tudo seja resolvido para que o Itabaiana volte a mandar seus jogos perto da torcida e para que haja segurança para todos que frequentam o Etelvino Mendonça.