Lei do Ex: Rafael vive tarde feliz com golaço no clássico

Foto: Divulgação/ADC

O Clássico Maior foi de reencontros na Arena Batistão neste domingo. Reencontros de quem vestia uma cor de camisa e passou a vestir outra. Porém, apenas um personagem foi feliz. Rafael Villa, com história consolidada no Sergipe, neste ano mudou de lado. E quis o destino que o primeiro gol dele com a camisa do Confiança fosse justamente contra o ex-clube. O meia fez um golaço, o segundo do time no jogo, ao se livrar da marcação apertada e finalizar de forma precisa. Os azulinos venceram por 2 a 1 e assumiram a liderança.

– Foi um dos gols mais bonitos que eu já fiz. Saí driblando um, driblando outro, e um gol que é difícil, de bico. Fui tentar bater com a esquerda mas era mais difícil porque eu sou canhoto então eu pensei, vou de bico mesmo, e acabou dando certo. O Romário já fez muitos gols de bico, foi campeão fazendo gol de bico. Eu fui feliz, só quero agradecer aos meus companheiros que lutaram até o fim para conquistar esses três pontos- disse Rafael Villa.

O jogador, aliás, sempre foi muito feliz nos clássicos. Quando estava no Sergipe, por diversas ocasiões, também aprontou contra o então rival. Empolgado com o desempenho, ele disse ter vivido uma nova experiência no clássico que disputou tantas vezes.

– Desde quando eu estava do outro lado observava a torcida do Confiança. É uma torcida grande, apoia o time e jogar esse clássico é muito especial. Já estive do outro lado e agora neste lado a emoção foi grande também. Procurei fazer o que sempre fiz, que é jogar com raça e dedicação.

O Confiança ocupa a primeira colocação desta fase classificatória, com 14 pontos. É a mesma pontuação do Itabaiana, que venceu o Boca no último fim de semana, mas o time da capital leva vantagem nos critérios de desempate.

Fonte: Globoesporte.com

 

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com