O problema que não precisávamos e postura que devemos ter

Em qualquer estádio de Segipe, o Confiança joga em casa

Não bastasse o péssimo desempenho em campo e a chegada de um jogo difícil e decisivo contra o CRB, o Confiança ganha mais um problema/polêmica essa semana. A mudança do mando de campo no jogo contra a Socorrense.

Eu vou ser breve já que o assunto não merece que se gaste muito tempo com ele, assim a única coisa que devemos fazer em relação a isso é NADA! Já temos problema demais pra aguentar e responder ataque de pelanca de jornalista que sempre procura alguma brecha em atitudes alheias ao Confiança e assim ter seus 5 minutos de fama e assim fazer boa figura com a torcida do seu clube de coração. Muito menos devemos nos ocupar com o chilique da torcida adversária a esse fato.

O que temos em termos de fatos é: 1) O estádio de Socorro foi interditado para jogos com público; 2) A direção da Socorrense solicitou mudança do jogo para o Batistão com intuito de ter renda com a bilheteria; 3) A Federação Sergipana de Futebol concedeu a mudança do mando de campo para o Batistão como já o fizera outras vezes.

Especulações sobre um possível favorecimento ao Confiança (como se jogar às 10hs da manhã no verão de Aracaju fosse favorecer alguém), arranjos de bastidores ou coisa parecida só podemos discutir com provas, fora isso é no mínimo irresponsável e leviano.

Isto posto, vamos parar de bater palma pra maluco dançar e focar no que importa: Voltar com um bom resultado de Maceió e nos recuperar no estadual.

Saudações azulinas,

Mike Gabriel

  • Lucas Santos

    Ótimo,melhor a ser feito é isso mesmo.