Rival: Volante do América-RN quer vencer “decisão” contra Confiança na quarta

Foto: Canindé Pereira
Foto: Canindé Pereira

Duas derrotas seguidas para o Vitória – 2 a 1 no Barradão, em Salvador, e 3 a 1 na Arena das Dunas, em Natal – e a perda da liderança do grupo A da Copa do Nordeste, caindo para a segunda colocação com seis pontos, dão ao América-RN um ar de preocupação quanto à classificação para a segunda fase da competição. Neste domingo, o time alvirrubro venceu o Força e Luz por 3 a 0 e disparou na ponta da tabela, com 17 pontos, dois a mais que o vice-líder – Alecrim, com 15.

No entanto, a cabeça dos jogadores está voltada para a Copa do Nordeste, quando terá um importante jogo contra o Confiança, pela quinta rodada, em Sergipe. Apesar de estar na lanterna do grupo, com quatro pontos, o adversário sergipano pode ultrapassar o Mecão – atualmente com seis pontos – e complicar a vida da equipe potiguar na competição, embolando a tabela de classificação. Para o volante Judson, o Mecão precisa apresentar um futebol “da melhor maneira” e conquistar uma das três vagas de melhor segundo colocado, segundo critérios técnicos do campeonato.

– A gente tem que buscar pontuar lá em Sergipe, da melhor maneira para conseguir a vitória. Nós ficamos sabendo que eles pouparam alguns titulares, então eles também vão ter esse jogo como uma decisão. A gente tem que pontuar, para se encaixar no índice dos segundos melhores, porque só se classificam três, e tentar fechar contra o Serrano-BA com essas duas vitórias e conseguir essa classificação – disse o camisa 5 americano.

Grupo “embolado”

O último jogo do América-RN na primeira fase da Copa do Nordeste está marcado para o dia 18 de março, na Arena das Dunas, contra o Serrano-BA. Contudo, caso o time baiano vença o Vitória, que é o líder com nove pontos, e o Confiança derrote o Mecão, as duas equipes chegarão aos sete pontos e deixarão o time americano na lanterna, com os mesmos seis pontos. Dessa forma, somente um resultado positivo vai interessar o Alvirrubro. Mesmo assim, o volante do América-RN cita que o “fator casa” pode contribuir com a classificação para às quartas de final.

– O melhor seria garantir a classificação logo nessa rodada, porque a gente já vem numa batida forte no estadual. Na Copa do Nordeste, cada jogo está sendo uma decisão. Então, quanto antes decidirmos melhor. Se embolar tudo nessa rodada e decidirmos na última, vamos com a vantagem de decidir em casa – concluiu.