Sem vencer nas primeiras rodadas, Confiança tem pior início de Estadual desde 87

Foto: Emanuel Rocha

O ano do Confiança não começou como todos os proletários esperavam. Aliás, está bem abaixo da expectativa. Tanto que o Dragão registrou uma marca negativa já nessas duas primeiras rodadas. É que desde 1987, quando perdeu para Itabaiana e Lagarto, o time não começa tão mal a competição. Os azulinos estrearam em 2018 com empate em casa contra o Olímpico por 2 a 2. E neste último domingo, foi derrotado fora de casa pelo Boca Júnior, no Francão, em Estância, por 1 a 0.

A atuação do Confiança no jogo foi muito ruim. Ainda desentrosado, o time errou passes e teve dificuldades para construir as jogadas de ataque. Rafael Villa e André Beleza pouco produziram. E a bola chegou pouco ao ataque para Raí e Frontini.

– Infelizmente não conseguimos jogar o futebol que deveríamos ter jogado. Jogar aqui é muito complicado. Precisa lutar muito para conquistar a vitória. Toda vez que chegarmos aqui com esse sono vamos sofrer ainda mais. E depois que o adversário consegue fazer o gol fica difícil recuperar. Temos que chamar a responsabilidade e buscar a recuperação. Está em nossas mãos reagir – avaliou o volante Diogo.

em ainda ter vencido no Campeonato Sergipano, o Confiança neste momento é o sétimo colocado, com apenas um ponto somado. Ou seja, está fora da zona de classificação para a próxima fase neste momento. Pelo regulamento, os seis primeiros avançam para o hexagonal.

Na próxima rodada, o Confiança encara o Dorense. O jogo está marcado para a quarta-feira, às 20h30, na Arena Batistão.

Fonte: Globoesporte.com