“Não tinha como estrear melhor”, diz Tito sobre artilharia na Arena Batistão

Foto: Osmar Rios / GloboEsporte.com

O atacante Tito teve duas felicidades na estréia do Confiança no estadual: Dois gols e artilharia do torneio, ao lado de Fabiano Tanque e Hiago do Sergipe. Após a vitória proletária por 3 a 0, o jogador se mostrou aliviado com os gols, feito no espaço de um minuto, no segundo tempo.

– Não tinha como estrear melhor, graças a Deus pude fazer esses gols, mas o mais importante é a vitória. Independente de quem tivesse feito os gols, o importante era sair com a vitória. A gente vê outro atacante fazer um gol e fica com aquilo na cabeça, querendo também ajudar a equipe, mas graças a Deus saiu. Espero que eu continue fazendo gols e possa ajudar o Confiança porque eu sou atacante, eu vivo de gols – comemorou.

Questionado sobre atitude do time em campo após 1 a 0 no início da partida, Tito rechaçou que o grupo não levou o Botafogo a sério. Ele alegou que a equipe ainda precisa de mais entrosamento.

– Em momento algum nossa equipe achou que o jogo estava fácil. O problema maior nesse momento é só o entrosamento, é só isso que falta. São muitas peças novas que o Confiança contratou, mas acredito ao decorrer dos treinos e próximos jogos nossa equipe vai se encaixar e engrenar – garantiu Tito.

O Confiança volta aos treinos nesta terça-feira. A equipe enfrenta no próximo domingo, ás 16h, o Boca Júnior. A partida será no Estádio Francão, em Estância.

Fonte: Globoesporte.com