Trovão Azul emite nota oficial sobre o protesto no jogo contra o Remo

Trovao_AzulViemos por meio desta nota, expor alguns fatos e acerca destes, mostrar também nosso descontentamento com tais fatos decorrentes no último jogo do Confiança, ontem (19/06).

O primeiro, a Torcida Trovão Azul não entrou no estádio, ficou no lado de fora, com bateria realizando um protesto totalmente pacífico, sem cantos de apologia a violência, xingamentos e etc. Nosso protesto foi baseado em duas indignações: Diretoria do clube e o Poder Público do Estado.

Com o clube nossa indignação é a falta de compromisso com time e torcida. Time montado sem pretensões nenhuma, estamos em Junho e até agora o torcedor não sabe o que o clube almeja, eliminação na primeira fase da Copa do Nordeste, eliminação na primeira fase da copa do Brasil e por fim a vergonha maior -até agora- conseguir a incapacidade de ficar de fora da final do PÍFIO campeonato estadual. Estão conseguindo em seis meses destruir todo o crescimento dos últimos anos. A diretoria irá acordar quando o clube for rebaixado pra série D? Exigimos respeito, e a escalação do Everton é a maior afronta e gozação do clube para com a torcida. Exigimos a saída desse CANALHA pra ontem. Ingresso a R$ 60,00 reais[1] com o clube na lanterna do campeonato é mostrar que tudo para vocês é importante, menos o bem estar do maior patrimônio do clube, o torcedor.

O segundo fato, é a indignação com o órgão público que está à frente do nosso futebol. O futebol sergipano está com um representante na série C e dois na série D. Momento em que as entidades deveriam aproveitar e fazer de tudo para que o nosso futebol não pare de crescer, mas não, por uma preguiça de pensar, colocam tudo a perder, tomando decisões totalmente sem sentido, deixando o futebol nas mãos de uma Polícia Militar totalmente despreparada para atuar em estádios de futebol sergipano.

Exemplo disso, a Polícia Militar decidiu proibir quaisquer instrumento musical nos estádios em virtude de uma briga num jogo entre duas equipes de outra divisão. As imagens da briga mostra os indivíduos, punir cada um não seria o correto? É justo alguém ser punido por erros de outros? Ontem na partida Confiança x Remo, vimos um estádio com cara de cemitério, sem brilho, sem festa. Hoje temos a certeza que o Estado não está nem aí para o nosso futebol. Lamentável.

Para finalizar, até quando nós torcedores da terra iremos aturar o despreparo da Polícia Militar? Ontem no jogo foi realizado um protesto totalmente pacifico, sem xingamentos, sem ameaças, tudo numa boa, até acontecer uma briga entre duas pessoas que não se encontravam no protesto, não são membros da Trovão Azul, pronto, é tudo que a PM precisa para mostrar o seu “serviço”, resultado foi a cavalaria passando por cima de todo mundo, crianças em pânico, idosos em pânicos, inocentes apanhando, isso tudo para conter uma briga envolvendo duas pessoas.[2] Isso é preparo?

No mais, seguiremos na nossa luta, nossa voz jamais calarão. Ao clube, o tempo tá passando, junto com ele a paciência também vai acabando, não esperem a bomba estourar. Exigimos respeito ao torcedor, e vocês tão mostrando ser totalmente omissos.

MUDANÇAS JÁ!

Torcida Trovão Azul – 1986
SOMOS TORCIDA

Notas do site Dragão de Aracaju

[1] O preço de R$60,00 era a inteira, como sempre todos pagam meia o valor ficaria em R$30,00, o que é ainda é caro.

[2] Eu presenciei o protesto no intervalo do jogo. A Trovão estava fazendo o batuque que faz nos e PM se posicionou em frente à torcida, mas do lado de dentro do Batistão, na volta pro segundo tempo, quando os torcedores que estavam acompanhando o protesto pelo lado de dentro já tinham voltado pro jogo, estoura uma briga “do nada” e a PM encontra a brecha pra reprimir a Trovão Azul. Será apenas coincidência?

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com