Com um a menos, Confiança vence o Lagarto e é campeão sergipano sub-19

Foto: Emanuel Rocha

Os meninos do Confiança mostraram que muita raça na final do Campeonato Sergipano sub-19. O Dragãozinho venceu o Lagarto por 3 a 1 na Arena Batistão, mesmo com um a menos desde os 29 minutos do primeiro tempo. Yuan, Bruninho e Neto anotaram para o time azulino. Victor descontou para o alviverde.

As duas equipes já estavam garantidas na Copa São Paulo de Futebol 2019. Na partida anterior, o Sergipe venceu o Olímpico e ficou com a terceira vaga sergipana no maior torneio de base do futebol brasileiro.

No primeiro tempo, o Confiança foi para cima e criou as melhores chances, até que Yuan, cobrando falta, marcou um golaço e abriu o placar para o time azulino. O Lagarto não demorou para responder e Victor invadiu a área para empatar o duelo. Aos 29 minutos, o Dragão ficou com um a menos, quando Hélio foi expulso. Só que mesmo assim, o time da capital criou as melhores chances. Ian mandou no travessão e na sequência Bruninho acertou uma bomba de fora da área para recolocar o time azulino na frente.

Na etapa final, o Confiança se fechou ainda mais e conseguiu criar mais chances no ataque. Mesmo com um a mais, o Lagarto mostrou nervosismo e cometeu pênalti em Wander. O camisa 19 cobra e mandou na trave. Wander sofreu um novo pênalti, o capitão Neto assumiu a responsabilidade e converteu para garantir o título do Confiança.

Fonte: Globoesporte.com

  • Lucas Santos

    Parabéns a garotada,souberam contornar a inferioridade numérica com muita garra e raça, raça essa que pouco foi demonstrada pelo elenco profissional durante a atual temporada. Que essa base possa continuar nos dando alegria e que os investimentos nela continuem, próximo ano tem Copa SP e não podemos repetir o fiasco deste ano.

    Ao menos um acerto da diretoria no ano (sendo justo,as carteirinhas dos sócios torcedores também foram uma boa). Espero que o elenco profissional possa ter a mesma garra da molecada, exemplos bons estão aí para serem seguidos.

    Rumo à dobradinha.

    Pra cima Dragão ?