Altemar assume méritos após gol de cobrança de falta: “Trabalho muito”

Foto: João Áquila / GloboEsporte.com
Foto: João Áquila / GloboEsporte.com

Foi um golaço, o goleiro nem se moveu para tentar defender. Assim, Altemar balançou a rede para o Confiança, no empate contra o América-RN, pela quinta rodada da Copa do Nordeste. No lance, o camisa 1 do clube potiguar escalou todo o time na barreira e talvez por isso nem viu a bola passar por cima e estufar a rede no ângulo superior.

Questionado sobre uma possível falha do goleiro colorado, Altemar não titubeou ao assumir toda a responsabilidade pelo gol após a cobrança de falta, disse que ainda mandou companheiros “aumentar” a barreira e deixar “cego” o defensor e no final, lamentou a queda no número de referências neste fundamento.

– O mérito foi todo do cobrador! Eu trabalho muito para chegar no jogo e quando ter a oportunidade fazer o gol. Graças a Deus fui feliz no lance. Vi que o Busatto (goleiro do América) colocou todo o time na barreira, aí mandei meus companheiros aumentar o ponto cego dele. Infelizmente não foi suficiente para a gente sair daqui com a vitória. Sobre minhas inspirações, não dá para dizer que hoje no Brasil temos muita gente que trabalha a bola parada, mas eu procuro assistir o máximo para encontrar um meio de melhorar – afirmou Altemar.

Com apenas cinco pontos na tabela, o Confiança não aspira mais uma classificação para a próxima fase, embora matematicamente ainda existe esperança. O time volta a campo neste sábado, às 20h, contra o Coritiba, pelo Campeonato Sergipano e deve se despedir do Regional na próxima quarta-feira, contra o Vitória, no Barradão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *