Após eliminação, torcedores exigem vitória no domingo

grande-confianca torcida

A venda de ingressos para o jogo Confiança e Lagarto pelo quadrangular do Campeonato Sergipano se iniciou nesta quinta-feira, 16, e a movimentação na bilheteria do Sabino Ribeiro, um dos pontos de venda, ainda é fraca. Mesmo assim, o campo do Dragão reuniu alguns torcedores que, de ingresso na mão, ainda lamentavam a eliminação do time na Copa do Brasil. Para eles, o discurso é unânime: só a vitória contra o alviverde no domingo, 19, no estádio Lourival Baptista, pode consertar tudo.

“Vai ser praticamente uma final. Mas acho que vai ser uns 3 a 0”, arrisca o representante comercial Wellington dos Santos. Com ingresso para a partida em mãos, o torcedor emenda que o Dragão precisa mudar. “Aquele Éverton no meio de campo parece que tem cadeira cativa. Cadê as contratações Almir Dias e Lucas Silva? Eles precisam ser aproveitados”.

Outro com palpite de vitória tranquila é o funcionário público Luiz Gonzaga Bastos. “Vai ser uns 2 a 0”, diz. Ainda para ele, o Confiança precisa se concentrar mais. “Não existe isso de já ganhou, porque algum outro time pode engrossar o caldo para o nosso lado. Como se diz pro aí, missa é rezada, e  jogo é jogado”.

Como vários torcedores, Luiz também reclamou da escalação do time proletário. “Valdson (SIC) já deveria estar no banco, e colocar Wallace Sergipano na lateral não está certo. Já do ataque não dá pra falar muito, porque a bola simplesmente não chega para eles”. Sobre a eliminação da Copa do Brasil diante do Ceará, o funcionário público é sucinto. “Foi jogo decidido no detalhe”.

Já o aposentado Orlando Menezes preferiu esperar para comprar o ingresso no dia do jogo, mas também deixou seu palpite: 2 a 0. “Mas pra ganhar é necessário mudar algumas coisas. É preciso colocar o meia Almir Dias pra jogar e já começar a partida com o Altemar. Ele foi um dos melhores na partida contra o Lagarto em Itabaiana. Não sei porque ele começou contra o Ceará no banco”.

Fonte: Infonet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *