Em entrevista à rádio Jornal, o presidente do Confiança, Pedro Dantas, falou sobre as dívidas do clube. O dirigente revelou que as dívidas trabalhistas somam mais de R$ 9,2 milhões e estão concentradas em um único tribunal, o que é uma boa notícia.

Por que é uma boa notícia?

As dívidas trabalhistas concentradas em um único tribunal facilitam o processo de acordo. O Confiança pode negociar com todos os credores de uma só vez, o que pode reduzir o valor total da dívida. (Entenda mais no final do texto)

Além das dívidas trabalhistas, o Confiança também tem dívidas fiscais de R$ 1,4 milhão. Essas dívidas não podem ser abatidas da Timemania, como o presidente já havia revelado no podcast Bancada Azulina.

Ouça o Bancada Azulina com Pedro Dantas – https://spotify.link/z3MY89tH5CbO

Dívida com o Ministério Público

Confiança ainda tem uma dívida da interdição por parte do Ministério Público de quase R$ 300 mil. O clube tenta converter essa dívida em ações sociais.

Saiba mais sobre essa dívida:

https://ge.globo.com/se/futebol/times/confianca/noticia/2022/06/10/justica-determina-penhora-de-bens-do-confianca-por-acao-movida-pelo-ministerio-publico.ghtml

É uma dívida alta, mas dá para sanar

A dívida do Confiança é alta para o porte do clube, mas dá para sanar com organização, acordos na justiça e, principalmente, saindo da Série C.

O clube já está trabalhando para reduzir a dívida. O Confiança está negociando com os credores trabalhistas e estudando formas de quitar as dívidas fiscais.

Se o Confiança conseguir subir para a Série B, o clube terá uma receita maior, o que facilitará o pagamento das dívidas.

Regime centralizado de execuções: Unificação da dívida pode ajudar

O regime centralizado de execuções é um mecanismo que permite renegociar, de maneira unificada, dívidas trabalhistas (funcionários, atletas, técnicos) e cíveis (empréstimos, fornecedores, demais contratos).

Credores farão uma “fila” para receber seus créditos. Enquanto o clube de futebol, o devedor, dedicará parte de suas receitas mensais para fazer esses pagamentos. À medida que o tempo passa, a fila diminui.

Com a dívida unificada, um dos caminhos do Confiança é aderir a este regime, se assim for interessante e possível, assim a dívida estando em uma única vara pode dar mais opções de negociação.

Inscreva-se no nosso canal do Youtube

By Mike Gabriel

Produtor de conteúdo, criador deste site em 2011, quando tudo aqui era mato!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *